VITRINE | Produtos em destaque e novidades das bancas do Mercado

Banca 12

Nesta banca de produtos naturais, aproveite para comprar castanhas e nozes, geralmente vendidas in natura, ricas em vitaminas, ômega 3, com efeito antioxidante. São boas para incluir na dieta porque têm HDL, considerada uma gordura boa, sendo indicadas para o coração e o cérebro. Podem ser consumidas uma ou duas ao dia ou em mix de frutas secas. Preços: caju, R$ 75 o kg, castanha do Pará (quebrada) a partir de R$ 49, inteira, R$ 69 e nozes a partir de R$ 75.

 

Box Temperos e Sabores

São oito boxes, todos muito populares, vendendo principalmente legumes. O Box Temperos e Sabores, por exemplo, trabalha com uma grande variedade de chás. Um dos mais procurados é a macela (ou “marcela”), que ajuda no tratamento de problemas gástricos e digestivos, resfriados, acalmando o sistema nervoso, entre outras coisas. É vendido em maços ao preço de R$ 5.

 

Cia. da Nutrição

A pasta de amendoim desta banca é feita na hora, uma das primeiras em Porto Alegre. O amendoim é considerado um dos grãos mais completos e ricos em proteína e ômegas, muito usado para atividades físicas. Um dos diferenciais é que o amendoim moído na hora sai com o seu próprio óleo, diferente dos embalados, que ganham óleos de girassol, ou até mesmo o óleo de soja para ficar mais homogêneo. É vendido em duas opções: cacau ou xyilitol, que é um adoçante natural — os dois vendidos a R$ 21,90.

 

Costelão do Mercado

Um dos destaques deste que é um dos mais movimentados açougues do Mercado é o entrecot de novilho, uma carne nobre, geralmente feita na grelha, malpassada. Ela possui uma gordura interna, entre as fibras, chamada marmoreio, e, por isso, é uma carne muito suculenta e macia. Preço: R$ 39,99.

 

Essencial

Ótima opção de almoço e happy hour, o lugar — pioneiro em cervejas artesanais no Mercado —, tem um cardápio diversificado. A dica é a entranha, um corte uruguaio com fibras semelhantes à ponta do vazio. Acompanha purê de batata com limão siciliano, agrião e legumes salteados na manteiga. Uma curiosidade: o prato é servido somente malpassado. Custa R$ 24 e, como sugestão da casa, pode ser harmonizado com uma cerveja estilo Stout ou uma simples Pilsen, mais refrescante.

 

Estação Pastel

O forte da casa é o pastel, mas também tem pratos quentes, como bife à parmegiana com presunto e queijo, molho de tomate, acompanhando nhoque, arroz, salada mista e feijão, ao valor de R$ 19,90. É servido diariamente. As opções de bebidas são sucos, água mineral e refrigerantes.

 

 

 

 

COMENTÁRIOS