Torneio de Verão do Mercado: Costelão leva a taça

CAMPEONATO

Torneio de Verão do Mercado: Costelão leva a taça

O segundo lugar ficou com a Banca 37 (Flora), o terceiro com a Japesca e o quarto com o time do Mamma Julia. O Torneio aconteceu no domingo do dia 4 de março, na Sociedade Polônia, entre 9h e 17h.

 

    Foram nove equipes inscritas no Torneio de Verão, que é uma pré-temporada para o grande Torneio de Aniversário do Mercado Público que ocorre em setembro. Danilo Shaeffer dos Santos, da Banca do Holandês, é o organizador há seis edições. “Eu faço mais é pela amizade do pessoal.

   A premiação foi feita com troféus e medalhas. Dejair Gonçalves de Almeida, treinador do time vencedor, Costelão, conta: “Deu certo porque nosso planejamento deu certo. Fomos com a intenção de ser campeões e conseguimos”. Além dos times vencedores, os destaques são premiados. Neste edição, Everton Silva, do Costelão, foi o goleador, com 13 gols. Emerson Borges do Carmo, também do Costelão, foi o goleiro menos vazado, levando apenas 10 gols. “Jogo três vezes por semana, duas vezes com a gurizada do Costelão. O trabalho de equipe é desde cedo”, diz Emerson. Ele conta que o apoio do presidente do time, seu Ivan, foi muito importante: “Não é só para nós, também é para destacar o nome do Costelão, que não é só açougue, também é esporte”, diz.

    A Banca 37 (Flora) recebeu pela terceira vez destaque pela disciplina. “Nós sempre procuramos manter a cabeça tranquila”, diz Alexandre Agiova, proprietário da Flora. E o troféu Bola Murcha ficou com Enedir Silva Seragim. “Este torneio foi bom, pena que não passamos. Perdemos nas quartas de final. Eu errei o gol mais feito do torneio, ainda”, e acrescenta, “O próximo ano eu vou ganhar bola cheia”, diz.

   Danilo adianta que o Torneio de Aniversário pode ter novidades: “Ano passado houve muita reclamação de que em um dia é muito difícil, porque são muitos jogos, uns seis ou sete, para a equipe chegar até a final. Eu quero ver se agora em setembro eu faço em duas etapas, dois dias, para não ficar pesado para o pessoal”.

COMENTÁRIOS