Telhado de zinco

Telhado de zinco Mercado Público - Jornal do Mercado

Foto: Arquivo JM

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Uma das fases mais marcantes do Mercado foi durante as décadas de 1970 e 80, quando os frequentadores e funcionários do local sofriam com os buracos e o calor escaldante do antigo telhado de zinco. Esse tempo acabou com reforma do Mercado nos anos 90, quando o telhado foi levantado e construído com outro material.

Hoje em dia vemos o Mercado arejado, limpo e com telhado alto. Porém nas décadas de 70 e 80, a realidade era outra. Nessa época, o Mercadão era coberto por zinco, com teto baixo, na altura das bancas, que eram menores e feitas de alumínio, o que deixava o clima mais quente ainda.

Alguns permissionários lembram que o zinco queimava quem chegava muito perto dele, geralmente quando iam até o estoque, que ficava bem próximo. “No depósito, se encostasse no telhado, dava queimadura, porque pegava sol direto e era zinco mesmo. O telhado só era alto na parte do meio e ia baixando, não dava para sentar em nenhuma das frentes do Mercado, senão ficava queimado”, conta Edelbrano Abreu de Souza, funcionário da Banca 26.

As mercadorias eram as mais prejudicadas: não se podia fazer estoque por muito tempo, já que não havia refrigeração. O zinco esquentava tanto que os produtos estragavam e acabavam atraindo pragas. A solução encontrada foi abastecer as bancas por períodos curtos de, mais ou menos, uma semana.

O calor não era o único problema. As chuvas deixavam os permissionários de cabelos brancos. “Antigamente, quando tinha chuva, aqui dentro chovia mais do que na rua, era um telhado bem rústico”, diz Paulo César Eloy, da Banca do Holandês. Os corredores ficavam sujos e molhados. No inverno, havia altos e baixos: para os funcionários, era mais complicado, pois era gelado e, justamente por esse motivo, era ótimo para as mercadorias.

O fim desta era só encerrou com a reforma do Mercado, no final dos anos 90, quando o telhado foi retirado e levantado. Agora o telhado se encontra modificado, está acima do teto das bancas e não faz mais tanto calor lá dentro.

 

COMENTÁRIOS