Projeto de roda-gigante remodela a orla do Guaíba

Porto Alegre só tem a ganhar com a construção de um parque turístico na beira das águas do Guaíba. É um empreendimento ambicioso e ousado, que alia beleza, entretenimento e negócios.

Reprodução projeto/PMPA

NOSSA PORTO ALEGRE, por Jorge Ghiorzi, gerente de Projetos da Porto Alegre e Região Metropolitana Convention & Visitors Bureau

O movimento de revitalização da orla do Guaíba, que teve a sua primeira fase concluída há um ano, promete outras etapas que anunciam uma transformação ainda mais profunda nesta região da cidade.

Recentemente, os porto-alegrenses receberam a notícia de que a prefeitura está encaminhando a proposta de construção de uma roda-gigante, integrada às águas do Guaíba. Imediatamente o que nos vem à mente é a mais famosa das rodas-gigantes do mundo, a London Eye, um símbolo da capital londrina, que recebe quase 4 milhões de visitantes por ano, com ingressos pagos.

A possibilidade de Porto Alegre contar com tal estrutura só pode ser saudada por quem trabalha e identifica no turismo um grande potencial de desenvolvimento econômico para a cidade.

O impacto positivo de uma iniciativa como essa se reflete em toda uma cadeia vertical que movimenta hotéis, operações de gastronomia, comércio e prestadores de serviço. Sem falar que ainda é fonte de geração de emprego e renda.

No Brasil, o mercado dos grandes parques de diversão registra um faturamento anual de R$ 700 milhões, segundo dados de Associação dos Parques de Diversões do Brasil (Adibra).

A Roda-Gigante de Porto Alegre será viabilizada através de uma parceria público-privada. A previsão de gasto na construção é de R$ 70 milhões em infraestrutura e outros R$ 430 milhões em melhorias e manutenção durante os 35 anos de concessão.

Em contrapartida, a empresa vencedora ficará com o direito de exploração comercial do empreendimento. A Roda-Gigante de Porto Alegre, com os seus 80 metros de altura, de acordo com o projeto, será a segunda maior do país. Não resta dúvida de que a cidade terá, com esta bem-vinda iniciativa, um ponto turístico de referência à altura da beleza do nosso pôr do sol.

COMENTÁRIOS