Obras nas calçadas mudam paradas de ônibus

Obras nas calçadas mudam paradas de ônibus

Devido às obras no passeio do Mercado Público em frente ao Terminal Parobé, as paradas  de ônibus foram deslocadas para outros pontos próximos ao Mercado.

 

      Em frente ao Terminal Parobé, as linhas 510 (Auxiliadora) e 431 (Carlos Gomes) foram deslocadas para a Travessa José Carlos Dias de Oliveira (entre a calçada da praça do Trensurb e o Palácio do Comércio). Já as linhas D43 (Universitária Direta), 343 (Campus Ipiranga), com parada na Av. Borges de Medeiros, e a linha C3 deslocaram-se para a calçada do Mercado Público, na Avenida Júlio de Castilhos.

     Como as alterações não foram anunciadas com antecedência,  muitos se surpreenderam com a mudança, como Cristina Lengler, usuária da linha 510: “Não foi anunciada (a mudança de parada), pegou todo mundo de surpresa. Hoje de manhã, por exemplo, este ônibus teve um ponto de largada, e agora no retorno está tendo outro, então a coisa está bastante confusa. Eu acredito que carece de um pouquinho mais de cuidado com a população, principalmente na divulgação dos locais para onde estes ônibus seriam deslocados”, diz. A reforma nas calçadas do Mercado, responsável pela alteração das paradas, faz parte do projeto Minha Calçada, que integra o movimento Porto Alegre: Eu curto. Eu cuido, da prefeitura. Através da parceria público-privada, obras de restauração estão sendo feitas em vários pontos do Centro Histórico. A recuperação do Largo Glênio Peres em frente ao Mercado, com a substituição do piso de basalto, é feita pela Vonpar Coca-Cola através de um contrato de adoção do Largo.

 

Transtorno no Mercado

    Manuel Magalhães de Souza, proprietário da Confeitaria Copacabana, conta que as reformas atrapalham o comércio da padaria: “Está trancando todas as empresas aqui da frente, complica a situação para o pessoal transitar, e tudo isso é prejuízo para a empresa. Está complicado para todo mundo, tanto para nós quanto para a clientela toda, que está reclamando”. Segundo a Adriana Leão, coordenadora dos próprios da SMIC, a reforma no Largo será concluída em março.

COMENTÁRIOS