Natal com gosto da cozinha brasileira

Natal com gosto da cozinha brasileira

Veja aqui algumas dicas e orientações, inclusive com opções de fonte de renda, da chef Letícia Silva para um dos momentos mais aguardados do ano.

 

            “Para a temática ‘preparando o Natal em casa’ e as receitas que se tornam fonte de renda, temos muitos produtos relacionados à confeitaria ou então à venda da própria ceia de natal, para quem não quer se envolver na cozinha. Outra novidade são as cestas de produtos totalmente orgânicos,  artesanais e recheadas de produtos orgânicos e acessórios artesanais. Ao substituir os produtos convencionais pelos alimentos orgânicos, esse presente se transforma em uma ação motivacional inovadora, pois demonstra um interesse na saúde e bem-estar do presenteado e sua família”.

 

Panetones, bolos e biscoitos

 

            “Com um pouco de planejamento e preparo em cursos de técnicas iniciais e aperfeiçoamento, começam a aparecer os cursos para fazer panetones, bolos e biscoitos que farão sucesso nesse período”.

 

Personalizando o Natal

 

            “Há a possibilidade de trabalhar com encomendas e fazer os quitutes ao gosto do freguês. Produtos personalizados têm sido bastante atrativos, uma vez que o cliente escolhe o produto final desde o seu recheio até a embalagem. Os principais produtos que têm se destacado nessa época do ano são os panetones doces e salgados, os bolos e biscoitos natalinos, os naked cake especiais de Natal, pão de mel natalino e todos os produtos tradicionais de confeitaria, com as decorações natalinas. Os naked cake são bolos com aspecto provençal e com acabamento rústico. As sugestões de acabamentos podem ser feitos em frutas, flores, chocolates ou até enfeites de açúcar”.

 

Cupcakes e suas variações

 

            “Os cupcakes e baby cakes especiais para o Natal são elaborados com massa de pão de mel, lindamente decorados com motivos natalinos, assados e recheados na embalagem. Os baby cakes tem 3cm e modelos Papai Noel, bonecos de neve, anjinhos e outros”.

 

Cesta de Natal

 

            Ela também lembra que Natal é um bom momento para aumentar a renda, principalmente com cestas de Natal, que têm grande saída nas empresas, como uma opção de presente para os funcionários. E sugere um “resgate da terra”, com frutas, geleias, sucos de uvas integrais, fazendo “um link com a sustentabilidade e melhor saúde que está se buscando”. Além das tradicionais nozes e amêndoas, nas bancas do Mercado também se encontram vinhos orgânicos, vinagre aromatizado, queijos, chocolate sem lactose, granola e barrinhas de cereais orgânicas. “A questão do orgânico está vindo com bastante força”, avalia.

 

Foto: Melissa Hugentobler


 

COMENTÁRIOS