Museu da Comunicação

O Museu da Comunicação Hipólito José da Costa é uma instituição cultural fundada em 10 de setembro de 1974, localizada na Rua dos Andradas, no Centro Histórico de Porto Alegre. O local, antes sede do jornal A Federação, possui em seu acervo materiais de cinema, fotografia, imprensa, publicidade e propaganda, rádio e fonografia, televisão e vídeo.

 

Foi através de um decreto que, em 10 de setembro de 1974, com a intenção de preservar e difundir a memória dos meios de comunicação do Rio Grande do Sul, foi criado o Museu da Comunicação Hipólito José da Costa. O Museu tem um rico acervo para consulta, no qual são encontradas desde peças do começo dos anos 1940 até itens atuais. O Museu funciona no antigo prédio do jornal A Federação, construído em 1922 e tombado em 1977, e tem três pavimentos, com capacidade para áreas expositivas, auditório e salas de pesquisas.

Boa parte da área cultural da instituição fica aos cuidados da Associação dos Amigos do Museu da Comunicação Hipólito José da Costa (AAMCS), uma entidade sem fins lucrativos que apoia as atividades do Museu, criada em 15 de junho de 1983. A Associação é responsável pela realização de intercâmbios culturais e pela consolidação de parcerias para o desenvolvimento de projetos socioculturais. Além disso, outras atividades são encontradas pelo local, como cursos de restauração e exibição de filmes.

O nome do Museu é uma homenagem a Hipólito José da Costa, jornalista uruguaio que morou no Rio Grande do Sul e se tornou o patrono da imprensa brasileira após editar o jornal Correio Braziliense, uma das primeiras publicações periódicas do país, de 1808 até 1822. Esse jornal circulou clandestino no território brasileiro sob censura da monarquia portuguesa, até ser proibido de circular no Brasil e em Portugal devido aos artigos que pregavam a liberdade de expressão e a independência brasileira, além de condenar a aristocracia e a exploração econômica de Portugal em relação ao Brasil.

Desde 2016, o berço da comunicação rio-grandense está passando por um período difícil. Devido ao prédio já muito antigo, há infiltrações, problemas elétricos e de fiação.  Até o momento, os problemas ainda não foram totalmente resolvidos e só são permitidas visitas para pesquisas em terças e quartas-feiras, das 14h às 18h, que precisam ser agendadas via e-mail.

O Museu fica na Rua das Andradas, 959, Centro Histórico de Porto Alegre/ RS, em frente ao jornal Correio do Povo.  Para mais informações visite o site www.museudacomunicacao.rs.gov.br, a fanpage facebook.com/museucomunicacaors ou entre em contato pelo (51) 3224-4252.

COMENTÁRIOS