Mercado, onde todos se encontram nas compras de inverno

 

Apreciadores

Mercado, onde todos se encontram nas compras de inverno

 

 

 

Dorvalina Antunes, 54 anos, e Maria Farias, 57 anos, aposentadas.

Dorvalina e Maria, amigas e vizinhas de Canoas, fazendo compras no Mercado.

Maria: Estamos comprando coisas para feijoada para o inverno. Pé de porco, pele, linguicinha, rabinhos,  ossinhos. Compramos bacalhau também. A gente lava, tira o sal, deixa de molho, frita, depois bota a cozinhar num panelão bem grande. Faz couve, farofa, vinho, essas coisas, muito bom. Eu venho sempre, compro peixe também. Acho o Mercado bom, a gente vai caminhando e de repente encontra amigos, alguém que conhece.

 

 

 

Paulo Ataíde Pereira da Luz, 50 anos, policial militar da reserva.

O militar, de Viamão, costuma fazer compras esporadicamente no Mercado. Acompanhado da filha Ana, veio às compras para preparar uma boa feijoada.

Paulo: Compro linguiça, queijo, geleia de morango. A minha especialidade é comida. Gosto de feijoada, tem bastante coisa aqui para fazer um mocotó também. A gente aproveita e leva porque é mais barato também. Feijoada? Além da linguiça vai pé, pele de porco, bacon. Aqui tem de tudo que a gente precisa, feijão bem novinho, principalmente no inverno, que o gaúcho gosta de comidas bem calóricas, como charque.

 

 

 

Denise Santos da Rosa, 45 anos, agente educadora.

Moradora de Canoas, mas trabalhando em Porto Alegre, aproveita a passagem para voltar para casa e fazer compras no Mercado.

Denise: Sou freguesa de carteirinha do Holandês, da Banca 12, da Japesca e da Padaria Pão de Açúcar. No inverno costumo comprar queijos, um pouco de cada, massas, capelete, lazanha, nhoque. Feijoada lá em casa não apreciamos muito, somos mais do mocotó. Aí viemos aqui pegar as coisas para fazer.

 

 

Fotos: Letícia Garcia

Recentes

COMENTÁRIOS