Cervejas refrescantes

No auge do verão, o calor só faz aumentar e o clima nos sugere bebidas mais leves. Para brindar o happy hour ou acompanhar a refeição, sugerimos quatro rótulos refrescantes e para todos os gostos.

 

Fotos: divulgação

Perro Libre Hop Pilsen

Perro Libre é uma cervejaria porto-alegrense que chegou ao mercado no fim de 2014. A Hop Pilsen uma cerveja de 4,8% de teor alcoólico e 32 IBU que leva em sua composição um tipo de malte (lager muntons), quatro tipos de lúpulos (ahtanum, chinook, cascade e amarillo) e passa pelo processo de dry hopping. É refrescante, leve e fácil de beber em maior quantidade. Harmoniza com sopas, saladas, frutos do mar, queijos frescos, aves leves, pastéis, batata frita, pizzas, comida japonesa.

 

 

Província Alcohol Free

A Cerveja Província é fabricada na cidade de Santa Maria e atua no mercado desde 2003. A Província Alcohol Free é uma cerveja produzida com puro malte, baixa fermentação, sem álcool, refrescante e com aromas marcantes. Além disso, tem poder isotônico, é rica em vitaminas, com baixas calorias, três qualidades que a tornam apta a ser consumida por atletas, praticantes de esportes e quem quiser diminuir o consumo de álcool.

 

 

Salton Flowers Branco Demi-Sec

A Salton foi formalmente constituída em 1910 na cidade de Bento Gonçalves. A Flowers Branco Demi-Sec é da linha Fresh e apresenta uma tênue coloração amarela brilhante. Também expressa uma destacada intensidade aromática, que ressalta as qualidades das variedades que compõe o corte. São encontrados aromas de frutas cítricas, flores brancas, mel, pêssego e banana. Seu sabor é levemente adocicado, com uma acidez bem equilibrada.

 

 

Suco de uva Da Casa Orgânico

A Cooperativa Vinícola Garibaldi está situada na cidade de Garibaldi, coração da Serra Gaúcha – maior região vitivinícola do Brasil. O suco de uva Da Casa é um produto 100% natural, elaborado com uvas das variedades Bordô e Isabel, uma seleção que lhe confere uma ótima extração de compostos fenólicos, também conhecidos como propulsores de saúde.

COMENTÁRIOS