Comemorando o ano novo

Nessa época do ano, as festas correm soltas – portanto, boas bebidas não podem faltar. Sabores mais doces é a grande procura no Natal; já no Réveillon, algo mais forte tem seu destaque. As sugestões deste mês passam pelo estado, trazendo opções para as comemorações de fim de ano.

Fotos: divulgação

 

Foto: Divulgação

Giaretta Suco de Uva Branco Integral

Produzido pela Vinícola Giaretta, em Guaporé/RS, o suco de coloração amarela é produzido a partir das uvas brancas de variedade Niágara. Apresenta zero adição de açúcar – são utilizadas apenas a frutose e a glicose da própria fruta. Bebida leve de sabor intenso, contém todas as vitaminas e substâncias naturais da uva, podendo ser consumida por qualquer pessoa. Para quem gosta de algo mais leve e quer uma opção saudável na hora de matar a sede nesse verão, esta é uma ótima opção.

 

 

Foto: Divulgação

Weber Haus Licor de Cassis Creme

Com sabor marcante e macio, o licor é fruto da Cachaçaria Weber Haus, de Ivoti/RS. A Cachaçaria preza pela boa qualidade e armazena o licor em barris de carvalho para que fique saboroso no processo de envelhecimento.  A produção acontece a partir da combinação e mistura de açúcar e extrato da fruta cassis e, para uma boa apreciação, é indicada a refrigeração na geladeira até a temperatura máxima de 10 °C.

 

 

 

 

Foto: Divulgação

Adolfo Lona Espumante Orus Rosé Pas Rosé

Fruto da fabricação da Adolfo Lona Vinhos e Espumantes, esta edição, elaborada de modo tradicional, apresenta aroma sutil e delicado. Sua coloração rosada dourada pálida, conhecida como “cor casca de cebola”, já indica um sabor marcante de uvas tintas. Orus, assim como todas as bebidas da vinícola, tem o ciclo de produção mais lento, de 18 meses. A bebida é sempre encontrada na festa do espumante de Garibaldi/RS, onde é feita sua fabricação.

 

 

Quinta Don Bonifácio Tannat

Vinho tinto seco da safra de 2007 é feito das uvas do Vinhedo Santa Lúcia e fabricado pela vinícola Quinta Don Bonifácio. Seus 16 meses de amadurecimento em carvalho francês propõem um visual vermelho rubi intenso, com acidez equilibrada e gosto agradável. Harmoniza com carnes vermelhas e, para saborear melhor, é indicado consumir em temperatura de 16 a 18 °C.

COMENTÁRIOS