Mercado celebra sua religiosidade

Pelo 16º ano consecutivo, foi realizada uma celebração alusiva ao dia de Nossa Senhora Aparecida e à Iemanjá. Durante todo o dia foram distribuídas bençãos para os mais de 4 mil visitantes que passaram pelo Bará, marco da religiosidade matriz-africana no Mercado. 

 

A quinta-feira(01) que antecede o dia de Nossa Senhora dos Navegantes, para os católicos e Iemanjá para os afro-umbandistas, foi marcada pelo tradicional ato religioso que ocorre há 16 anos no Mercado Público. Representantes de religiões matriz-africanas abençoaram durante todo o dia visitantes que por ali passaram e deixaram sua oferenda à Iemanjá. Na celebração estiveram presentes membros da Ascomepc e autoridades políticas.

Flores e fitas azuis coloriram o centro do Mercado e deram ainda mais vida ao Bará, marco cultural localizado bem ao centro do prédio e que celebra a religiosidade do local. Em uma data tão importante, Pai Paulinho, líder religiosos afro-umbandista, responsável por muitas atividades religiosas ocorridas no Mercado, sente-se feliz por estar pelo 16º ano a frente deste ato. “A mãe Iemanjá vem com toda a sua força e energia trazer as suas bençãos. Só temos a agradecer a esse público que a gente consegue atender e acolher. Queremos desmistificar aquela coisa negativa da nossa religião e eu agradeço muito ao Mercado por ter esse espaço sagrado”. diz Pai Paulinho. Luciano Alabarse, secretário de cultura de Porto Alegre, esteve presente representando a prefeitura e falou sobre o momento. ” É realmente uma satisfação muito grande estar aqui nesse ato. É muito importante nos dias de hoje termos fé, esperança e gratidão. Creio que o Mercado é melhor exemplo disso”, diz.

 

Fotos: Fabiane Pereira

 

COMENTÁRIOS