Marchezan recebe Nota Pública de repúdio à privatização do Mercado Público

Na última terça-feira (03), alegria era a palavra de ordem durante a festa de comemoração dos 148 anos do Mercado Público. Ainda assim, os problemas que o prédio vem enfrentando ao longo dos anos não foram esquecidos, tampouco fugiram do debate. Vereadores e vereadoras da chamada Frente Parlamentar dos Povos Tradicionais e de Matriz Africana entregaram uma Nota Pública ao prefeito da capital, Nelson Marchezan Júnior, manifestando a preocupação com a ideia de privatização do espaço.

Coordenadora da Frente Parlamentar, a vereadora Sofia Cavedon diz que “a nota reforça o pedido de não privatização do Mercado Público, tendo em vista toda a história do espaço popular que atende a cidade”. Além disso, ainda, de acordo com a vereadora, foi solicitada uma reunião com o prefeito e a realização de uma Audiência Pública para que os cidadãos da capital sejam escutados.

A Nota Pública também foi assinada por representantes da sociedade civil que compõem a Frente Parlamentar.

Abaixo, segue a Nota Pública na íntegra.

COMENTÁRIOS