Katia Suman

    Uma cidade sem mercado não se constitui como tal 

     Katia Suman*

     Ela é uma das comunicadoras mais conhecidas e talentosas de Porto Alegre. Ficou conhecida, principalmente, por seu trabalho na Rádio Ipanema, onde marcou época. Agora está na TV Com a frente do Programa Camarote. Aqui seu rápido, mas pungente depoimento sobre o nosso Mercado.

 

     O Mercado Público faz parte da minha vida desde pequena. Eu morei a vida toda na Cidade Baixa. Eu me lembro do meu pai vindo muito no Mercado. Usava já aquela sacola que tinha aqui no Mercado. Toda a vez que ele vinha no Centro, levava coisas deliciosas daqui. E quando a gente vinha no Centro eu comia a salada de frutas com nata da Banca 40, um clássico! Bem depois, quando vim morar no Centro, onde estou há sete anos, e trabalhava na Rádio Unisinos, na volta eu descia bem na frente do Mercado e já entrava, fiquei amiga do pessoal da Banca do Holandês. Adoro Mercado, compro minhas coisas macrôs aqui, enfim, acho um lugar maravilhoso. Curto o restaurante japonês, acho bacana a mistura de pessoas, cores, sabores, texturas, eu amo o Mercado! Alem do que, as coisas são mais baratas, de qualidade, eu gosto do clima, acho bacana.

     Na verdade sou uma pessoa tipo mais conservadora, eu me afeiçôo aos meus fornecedores, entre aspas, os mesmos há mais de 20 anos. Compro coisas sempre no mesmo lugar, tenho uma relação muito forte com algumas bancas. Eu não sou clima shopping center, é mais mercado e feira. São lugares que combinam mais comigo. Esta diversidade… Temos aqui uma arquitetura que não sei te definir, esse local privilegiado na frente do rio, esse trânsito de boêmios, artistas, de várias gerações, eu sei que tem um pessoal que continua freqüentando, tem o Naval. A boemia não cheguei a vivenciar, meu período do Mercado é de hoje mesmo, não cheguei a freqüentar a noite. Eventualmente venho no restaurante japonês, eu sou uma pessoa muito caseira, sair de casa é uma coisa muita rara. Se não estou trabalhando, estou em casa à noite.

Uma cidade sem um mercado não se constitui como tal. Tem que ter igreja, mercado, praça e prefeitura!

* Apresentadora – Programa Camarote – TVCom

COMENTÁRIOS