Inspiração e frescor, os segredinhos do camarão

Safra

Inspiração e frescor, os segredinhos do camarão

 

 

Restauranter, formada em gastronomia na Unisinos, consultora e docente de gastronomia no IGA (Instituto de Gastronomia Argentino), Michele dá aqui algumas dicas preciosas para uma inspirada receita de camarão. Produtos da época e da safra são algumas delas.

 

*Michelle Leão

Com a safra do camarão as ofertas são inúmeras, o produto é fresco e de ótima qualidade. Nada melhor do que saber a época de cada ingrediente para poder extrair o melhor dele. Um tomate fora da estação, por exemplo, não tem o mesmo sabor, parece que por dentro não é realmente um tomate. Com um pouco mais de atenção ao período de cada produto, nós consumidores, encontraremos para além da qualidade, melhores preços. Em determinadas profissões, saber o período de safra faz toda a diferença. No meu caso, para a criação de um cardápio para um restaurante ou mesmo para um evento privado, necessito trabalhar constantemente com a palavra sazonalidade, que faz parte do meu dia a dia. 

 

Dicas de preparo do camarão

A visita às feiras populares da cidade e principalmente ao Mercado Público se faz imprescindível e acontece religiosamente toda a semana, pois o processo criativo de um cozinheiro pode começar ali, naqueles corredores do Mercado, (re)descobrindo velhos e novos produtos. É o alimento que traz inspiração, ver para sentir e depois, ao menos para mim, o caminho fica mais fácil de trilhar, isto é, cozinhar. Nesta época em que estamos, entre o verão e início de outono, as visitas são mais focadas nas peixarias do Mercado, em busca dos camarões, que podem ser encontrados, para além de congelados, também frescos, grandes e lindos.  Prontos para serem preparados em deliciosas receitas. Eu prefiro comprar estes crustáceos crus e não cozidos, garantindo assim maior frescor assim como o ponto certo do seu cozimento. Fica a minha dica: não cozinhe demais o camarão, o deguste salteado em azeite de oliva, com ervas frescas, alho, alho poró, cogumelos frescos, sal e pimenta do reino branca moída na hora… quase ao natural.

*Consultora e docente de gastronomia no IGA

COMENTÁRIOS