Golden Souk: tentações douradas de Dubai

Golden Souk: tentações douradas de Dubai

 

Na região portuária, parte antiga da cidade dos sonhos, da moderna Dubai, o maior mercado de ouro do mundo está ao nosso alcance. Não se pode ignorar o Souk Dourado.

 

Felipe Daiello *

 

A baixa taxação, incentivos, impostos esquecidos, favorecem os negócios com metais preciosos. Os preços convidativos atraem os turistas e os curiosos. O brilho dourado, o fulgor da luz dos diamantes, são reverenciados e adorados pelos árabes.

As joalherias, lojas agrupadas, ocupando quarteirões e quarteirões, apresentam nas vitrines peças magníficas em ouro de 22 quilates. Iluminação adequada destaca o brilho, adiciona calor, insufla o desejo e realiza sonhos. Pobre do nosso cartão de crédito.

Colares, pulseiras, aparecem em filas contínuas, são centenas de peças despertando anseios e ambições.

Lâmpadas especiais ampliam o efeito dos desejos, das vontades e das intenções. Como mariposas não escapamos das vitrines. Enfeitiçam.

Cinturões, largos nas dimensões, em excesso nas gramas, são adequados para oferta de dotes para noivas ou para simples agrados femininos. Penduricalhos trabalhados, imensos, dignos de bustos e de silhuetas avantajados, produzem indecisão na escolha.

Para mulheres especiais, com provedores milionários, biquínis executados em malha dourada se apresentam confiantes. Sutiãs executados com o metal amarelo, máscaras feitas com fios de 22 quilates, tentam esconder os rostos das esposas de olhares profanos.

Como a tradição muçulmana permite a possibilidade de 4 esposas para  o homem, a competição entre as favoritas não prescinde dos presentes obrigatórios; tudo, de preferência, em ouro 22 quilates.

Peças inteiras, bustiês, refletem a cor do desejo, do poder e do dinheiro dos sheiks.

Para investidores: lingotes, moedas de todos os tipos e procedências, peças comemorativas de eventos marcantes, não ficam esquecidos. Para cada vontade existe a solução adequada.

Ao lado, jóias, onde os diamantes pontificam, são alternativas. Os anéis de noivado ou de casamento não apresentam apenas a singeleza do ouro, todos exigem o brilho dos diamantes para expressar os votos dos nubentes. O anel dos noivos, como sempre, tem pedras especiais de maior quilate.

Pérolas, todas as cores e matizes, colares imensos, variedades quase impossíveis, são alternativas. Por 30.000 dólares consegue-se maravilhas na combinação do negro das pérolas do Taiti ao branco do Japão, passando pelo rosa da Índia e mesmo da China.

O antigo tráfico de jóias, comércio milenar entre a China, a Índia e os Países Árabes, agora está centralizado em Dubai. No momento atual, Dubai é o melhor local do mundo para adquirir aquele presente, seja em ouro, em prata, com pérolas ou diamantes. Não perca a oportunidade para oferecer um regalo a sua amada. Os preços convidam.

 

Felipe Daiello é Autor de “Onde Estão os Dinossauros?” e “AS Minhas Ilhas”

Editora AGE

 

Para assistir Grenal em Abu Dhabi milhares de gaúchos se deslocam para os Emirados. Fanáticos vão lutar pelo título. Será a primeira vez que gremistas torcerão pela Internazionale com as cores do glorioso tricolor

COMENTÁRIOS