Fonte Talavera de La Reina

A Fonte Talavera de La Reina, ou somente Fonte Talavera, está situada em frente ao Paço Municipal de Porto Alegre. O monumento foi um presente da colônia espanhola em 1935 e marca o centenário da Revolução Farroupilha.

 

A Revolução Farroupilha (1835-1845) foi um grande marco para o Rio Grande do Sul e durante a comemoração do seu centenário, em 1935, Porto Alegre foi presenteada pela Espanha com a Fonte Talavera de La Reina. A construção de uma fonte como homenagem partiu do professor e escultor Fernando Coroa. A intenção era ornamentar a cidade com um elemento que simbolizasse o espírito clássico da Espanha.

O monumento foi criado em 1935 no atelier Artesania Talaverana, em Talavera de la Reina, cidade da Espanha, pelo artista espanhol Juan Ruiz de Luna. Seu design é composto por azulejos talaveranos em azul-cobalto e amarelo-ocre, com composições florais e ornamentos em forma de golfinhos. Na parte inferior ainda há uma inscrição: “La colonia española al gloriosso pueblo riograndense en su centenario farroupilha 1835-1935”. O material utilizado para a construção veio diretamente da Espanha, a partir do transporte gratuito que o embaixador espanhol D. Vidente Salles conseguiu. Na época, o país ainda estava sob o governo do presidente Getúlio Vargas, que concedeu isenção dos impostos de importação.

Nos anos 2000, aconteceu a primeira restauração para recuperar a sua pintura. O trabalho foi feito pela equipe do arquiteto Edegar da Luz, da Espaço– Arquitetura e Restauro. Em junho de 2005, durante uma manifestação de carroceiros, a bacia do monumento foi quebrada por um manifestante, sendo devolvida à população somente em 2008, com peças vindas da Espanha para a substituição da cuba superior da Fonte.

A Fonte Talavera de La Reina foi tombada como patrimônio do município em 1979 e já foi até palco de comícios eleitorais. Ela está localizada na Praça Montevideo, 2-58, no Centro Histórico de Porto Alegre/RS, em frente ao Paço Municipal, um dos prédios da Prefeitura da cidade (conhecido como Prefeitura Velha).

COMENTÁRIOS