Fevereiro/11

 

Banca da Cultura

 

Emílio Chagas*

 

Retrospectiva da obra de Henrique Fuhro no Margs

        

Com toda a aura e imponência do MARGS, a retrospectiva de Fuhro será, na minha opinião, uma das mais importantes do ano. Fomos colegas numa breve passagem por uma agência de publicidade, mas a imagem mais nítida e afetiva que tenho dele é de quando chegava, invarialvelmente acompanhado pelo marchand Renato Rosa (curador deste retrospectiva), nos fins de tarde no antigo bar Pelotense. São xilogravuras, litogravuras, desenhos e pinturas, com técnicas apuradas e variadas – uma vasta produção que hoje fazem dele um dos nomes principais das artes plásticas do Rio Grande do Sul. Reserve pelo menos duas horas para percorrer todo este deslumbrante (e perturbador) universo.

 

Luiz de Miranda na França

 

>> Lançadas a 14ª Jornada de Literatura e a 6ª Jornadinha, que deverão ocorrer entre os dias 22 a 26 de agosto em Passo Fundo. No comando, a incansável Tânia Rosing

>> Ricardo Silvestrin é o novo presidente do Instituto Riograndense do Livro, o IEL. A entidade já teve papel fundamental na literatura gaúcha e tudo o que se espera é a sua revitalização.

>> Já para a Casa de Cultura Mario Quintana, importante equipamento cultural da cidade, o indicado foi o ator Marcos Barreto, que entre outras coisas, já foi o coordenador do Porto Alegre em Cena.

>> Oly Jr, o criador da Milonga Blue, que levou os três prêmios na categoria Jazz/Blue do último Prêmio Açorianos, prepara novo trabalho. Desta vez fazendo versões na sua especialidade, ou seja, na milonga-blue de músicas de Bebeto Alves e Vitor Ramil.

>> Vitor Ortiz, ex-secretário de cultura de Viamão, Porto Alegre e São Leopoldo, além de ex-gerente geral da FUNARTE é o novo secretário-executivo do Ministério da Cultura. Deverá ser o braço direito da ministra Ana Buarque de Hollanda.

>> Bloco Maria do Bairro é uma saudável iniciativa de reconstituir o carnaval de rua. Muita alegria, animação e criatividade na bucólica rua Sofia Veloso para quem tem saudades de outros carnavais. Com um viés cultural, o bloco já tem data para a saída: 26 de fevereiro a partir das 5 da tarde. É samba, suor e cerveja!

>> Margarete Moraes assumiu a Representação Regional Sul do Ministério da Cultura que abrange os Estados do Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina com sede em Porto Alegre. Margarete foi Secretária da Cultura e vereadora em Porto Alegre.

 

*Emílio Chagas é gestor cultural. Contato com a coluna: chagas@jornaldomercadopoa.com.br

COMENTÁRIOS