Festa nos 142 anos do Mercado Público

Festa dos 142 anos do Mercado Público

 

O Mercado Público de Porto Alegre chega aos seus 142 renovando-se, mantendo suas características e agregando novidades para estar ainda

melhor para a sua população e àqueles que visitam nossa cidade.

 

     Com muitas novidades acumuladas neste último ano, o velho Mercado comemorou seu aniversário no dia 1° de outubro com um show de Ernesto Fagundes, discursos, Parabéns a Você, presença de autoridades e um delicioso bolo, carinhosamente repartido entre os que estiveram presentes na comemoração informal.  Para o prefeito José Fortunati, que fez o discurso principal da solenidade, o Mercado é o símbolo maior da convivência da cidade. “É onde as pessoas de todas as camadas sociais se reúnem e a representação de amor de como recebemos os visitantes, com muito calor e carinho. Isto é o Mercado Público, e a prefeitura está investimento fortemente na requalificação dos espaços, para apresentar serviços com a melhor qualidade possível”. 

 

O Mercado e as relações humanas

      Já Paulo Göttert, Presidente da Associação dos Permissionários, ressaltou o lado humano dizendo que o Mercado é vida e lembrando as pessoas que nele circulam: “Clientes, colaboradores, permissionários, são eles que dão vida com as histórias que circulam aqui dentro. É importante continuar os projetos, a qualificação da mão de obra e cada um investir em seus estabelecimentos”, disse. Também presente nas comemorações, a presidente da Câmara Municipal de Vereadores, Sofia Cavedon, destacou o Mercado como uma parte importantíssima da identidade de Porto Alegre. “O Mercado Público consegue abraçar as mais diferentes manifestações culturais. Os turistas aqui podem provar uma cachacinha, o nosso peixe, a nossa erva mate. Se Porto Alegre não tiver este ponto de encontro, não existe na relação de dialogar com a sua população, que aqui encontra e retoma a sua identidade”.

 

TIM Música

    A comemoração também contou com o Projeto TIM Música nas Escolas desenvolvido em parceira com a Secretaria Municipal de Educação (Smed). O projeto apresentou no dia 3 de outubro o concerto da Orquestra Brasileira de Porto Alegre, regida pelo Maestro Giovani Costa e composta por 25 alunos, com composições de músicos gaúchos e clássicos da MPB. Giovani informou que a proposta era de ir para um lugar público, com gente comum, evitando teatro e locais fechados. “A gente procurou um local bacana e o Mercado nos foi sugerido com um dos espaços mais tradicionais”. 

COMENTÁRIOS