Dado Bier, pioneirismo e profissionalismo

Nascido em Porto Alegre, formado em Direito pela PUCRS, Eduardo Bier desde jovem teve espírito esportivo e empreendedor. Foi competidor profissional de surf, abriu a primeira loja de conveniências da cidade em postos de gasolina, a General Store, foi representante de fábrica, produtos e acessórios de surf, entre outros negócios. Em 1992, seu tio Jorge Gerdau o desafiou, incentivou e apoiou na proposta de abrir a sua cervejaria – como seu sobrenome em alemão significa cerveja havia uma brincadeira na família de que ele deveria fabricar a sua.

 

Foto: Divulgação

Como foi o começo?

Em 1993 fui para a Europa estudar cerveja e o mercado. Vi que tinha pequenas cervejarias, muitas delas associadas a restaurantes, produzindo em pequena escala, a chamada cerveja artesanal e percebi que tinha possibilidades. Depois, fui aos EUA, onde vi um movimento mais forte, o kraftbrew, que já estava ganhando muita força. Aí começamos a desenvolver projetos – naquele tempo não havia equipamentos, matéria-prima, era muito mais complexo, não havia nem internet. No mercado só as grandes, Antártica, Brahma e a Kaiser entrando. Em outubro de 1994 começamos a produzir cerveja e em 1995 abrimos a Dado Bier, primeira cervejaria artesanal do Brasil. Foi um sucesso muito grande, tivemos a Dado Bier SP e a Dado Bier RJ, projetos muito grandes e ousados.

 

E hoje quais são os mercados e as cervejas produzidas pela Dado Bier?

Nos ano 2000 nós separamos os negócios cerveja e restaurante, que hoje são seis. Nossa atuação mais forte é nas regiões Sul e Sudeste e em alguns estados. Nossas cervejas: Dado Bier Lager, Dado Bier Original, Dado Bier Royal Black, Dado Bier Red Ale, Dado Bier Belgian Ale, Dado Bier Double Chocolate Stout, Dado Bier IPA, Dado Bier Ilex, Dado Bier Duons e Dado Bier Weiss.

 

Dessas, quais encontramos no Mercado Público e em que lugares?

Não sei se temos todos os rótulos no Mercado, mas teoricamente deveríamos ter. Hoje em dia, com o advento das cervejas artesanais os pontos de vendas estão com dificuldades de colocar todos os rótulos das cervejarias – a diversidade está muito grande, não tem espaço pra todos. Mas elas estão no Emporio 38 e restaurantes, como o Gambrinus.

Quais os diferenciais da Dado Bier?

Além do nosso pioneirismo, dos 21 anos que estamos completando, acho que o nosso diferencial é que tocamos o  negócio de uma forma muito profissional, no que diz respeito a desenvolvimento de produtos, preços, volumes, custos e mercados.  Vejo que no mundo artesanal, muitas vezes ele está ligado à paixão, sem carregar junto a necessidade de uma profissionalização do negócio. A produção é muito complexa no Brasil, os custos da matéria-prima são elevados, os impostos muitos pesados e a distribuição muito elevada. Nosso diferencial perante o mercado é a nossa visão empresarial que temos.

 

 

COMENTÁRIOS